fbpx

Segundo o Metrô-DF, a intervenção é necessária para evitar acidentes, mas para a população a obra gera filas, aglomerações e desconforto

 

A instalação de barreiras no acesso às estações de Metrô-DF despertou polêmica entre os moradores de Águas Claras. Segundo a empresa pública, a obra tem o objetivo de evitar acidentes com motos e bicicletas. Por outro lado, moradores criticam a intervenção. Segundo a população, ela dificulta o acesso dos pedestres e gera ainda mais filas na hora de chegar ou sair do local.

A Associação de Moradores e Amigos de Águas Claras (Amaac) reprovou vigorosamente a instalação. “Somos radicalmente contra. Gera fila, aglomeração e ainda estamos em pandemia. Nunca vi uma moto passando pelas estações. Ciclistas podem viajar de Metrô. Essa barreira atrapalha o acesso deles”, afirmou o presidente da entidade, Román Cuattrin.

 

Nas redes sociais, as barreiras dividiram opiniões. Parte dos usuários compartilhou as críticas contra a intervenção. No entanto, simultaneamente, outra parcela considerou a novidade necessária para evitar acidentes envolvendo não apenas motos e bicicletas, mas também skates, patinetes e patins.

Outro lado

Do ponto de vista do Metrô, um número considerável de ciclistas e motociclistas usam o acesso das estações para cortar caminho. As barreiras seriam instrumentos para evitar acidentes com pedestres, incluindo idosos e crianças. Além disso, a estrutura respeitaria os critérios para acessibilidade de pessoas com deficiência.

Leia a nota completa de Metrô:

O Metrô-DF informa que, diariamente, uma grande quantidade de ciclistas e motociclistas utilizam o acesso da estação para cortar caminho e ultrapassar a linha do metrô, trazendo evidente risco às demais pessoas, principalmente idosos e crianças que usam o local.

A intervenção estrutural é necessária para resguardar usuários, pedestres e empregados da Companhia. Cumpre ainda destacar que o modelo de barreira fixa também é usado em outras estações e cumpre inteiramente os ditames normativos previstos na Lei nº 10.098/2000, norma que estabelece critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.

Fonte: Metrópoles

 

Faz o seguinte, nos acompanhe nas nossas redes sociais. Dessa forma você fica sabendo primeiro DFÁguasClaras
Participe do Canal DFÁguasClaras de notícias e bastidores no TELEGRAM – https://t.me/dfaguasclaras
Além disso, para participar do nosso grupo de Whatsapp DFÁguasClaras, envie seu número para dfaguasclaras@gmail.com
(Somente assuntos de Águas Claras).
Grupo DFÁguasClaras no Telegram (Capacidade de 100 mil membros): Envie email solicitando o ingresso dfaguasclaras@gmail.com
DFÁguasClaras – Nossa Cidade Passa por Aqui!
No twitter siga: @DFAguasClaras
Facebook: www.facebook.com/dfaguasclaras
Youtube: www.youtube.com/dfaguasclaras

Você pode assinar o nosso PODCAST nas principais plataformas de áudio!

Spotify: https://open.spotify.com/show/2nS3gHAS4NacTdNbulW9bv?si=HePXG9zBToWZyZgWeP03fA

Podcast ITunes: https://podcasts.apple.com/br/podcast/df-aguas-claras/id1499932772

Google Podcast: https://podcasts.google.com/?feed=aHR0cHM6Ly9hbmNob3IuZm0vcy9kYmI3ODhjL3BvZGNhc3QvcnNz

Todo projeto do DFÁguasClaras foi pensado de forma compartilhada e comunitária, por isso hoje carregamos a responsabilidade e o orgulho de ajudar Águas Claras a ser uma cidade melhor.